quarta-feira, janeiro 08, 2014

.:DESENTALANDO:.

Hoje fui acompanhar meu pai numa endoscopia.


Ele também fez a gastroplastia, operou seis meses depois que eu com o Dr. Thomas Szego

Meu pai eliminou 69 (sessenta e nove!) quilos. Ele eliminou mesmo porque nunca mais os encontrou, ao contrário de mim. 

Enfim, quando ele falou da endoscopia, pensei que se tratava de um exame de rotina, afinal, a endoscopia é um exame comum para pessoas que fizeram a bariátrica. O exame deve ser feito anualmente por recomendação médica. Eu não faço há uns três anos, pelo menos. 

Mas na verdade meu pai estava, como dizemos, entalado com algum alimento. Desde sábado de manhã, ele não estava conseguindo comer e nem beber nada. 

Sabe quando que eu conseguiria ficar sem comer UM dia que fosse? Pois é, NUNCA.

Por isso, fomos fazer a endoscopia e realmente havia resto de alimento do tamanho de um Dadinho em seu estômago. 

O médico "quebrou" o alimento para facilitar a digestão do mesmo e permitir que ele possa voltar a comer

Estou contando tudo aqui no blog para vocês terem uma ideia de quais complicações, além de engordar novamente, uma pessoa gastroplastizada pode ter. 

Porque o pessoal adora falar das vantagens e esquecem de toda dificuldade que essa escolha traz. 

(Só para constar: não me arrependo da minha escolha! Mas acredito que todas as informações devem ser ditas, não apenas as relativas a perda de peso.)




3 comentários:

Desabafo.com disse...

por isto gosto da sabrina ela fez um vídeo falando toda parte ruim porque como vc disse só divulgam as boas . bjo ke

Thalita Loraynny disse...

Oi Rapha, vc tem razão, tem que contar os dois lados da vida de uma pessoa operada, eu mesma queria muito operar, mas comecei a pesar os prós e contras,e decidi tentar a dieta primeiro, caso não consiga mesmo, vou partir para a dieta.
Quanto a pergunta que fez no meu blog, eu conto as calorias com um aplicativo no celular chamado NutraBem, gosto bastante dele, da para anotar tudo o que como, e ele me dá as calorias, e ainda a quantidade de agua ingerida no dia, esta sendo muito útil para mim.
Bjus***

Catia Sousa disse...

Parabéns pela coragem de falar sobre as dificuldades da cirurgia. Isso certamente vai auxiliar os interessados a realizarem uma pesquisa mais detalhada para poderem fazer a escolha.
Grande abraço.