quarta-feira, julho 25, 2012

.:ANTES E DEPOIS DA DIETA DE ENGORDA:.

Yes, we can!

Exatamente um mês depois de começar uma dieta rica em açúcar e carboidratos pude ver o resultado.

Ainda não sei o quanto a mudança alimentar trouxe de benefícios para o Erick, que precisava engordar um pouquinho.

Mas sei o que significou pra mim: 5kg a mais, Graças a Deus! (?)

Tá, eu sei que você vai deixar um cometário fofo dizendo que eu vou perder tudo isso depois, na amamentação e tal... Mas eu gostaria que você entendesse o que significa pra MIM ter que fazer uma dieta de ENGORDA. 

Acompanhe o pensamento da Gordinha: eu tenho um blog sobre emagrecimento, já fiz dieta da sopa, segui o programa do Vigilantes do peso, fui para um SPA, tomei Herbalife, fiz promessa pra São Longuinho (só que ao contrário, pra perder quilos e não achar nada!) e até reduzi o estômago.

Então, quando finalmente consigo perceber que a reeducaão alimentar é o caminho do bem , aprendo a comer bonitinho e emagreço (sem dietas e ou receitas milagrosas), engravido e tenho que engordar.

Tipo assim: coisa pra deixar a gente MA-LU-CA! Fala sério!

Confesso que até estou achando que os quilinhos a mais me deixaram redondamente bonitinha.

Veja o antes e depois da dieta de engorda: 
FOTO 1: de blusa branca e azul
Data: 25/06
Mês: Oitavo
Semana: 34
Peso: 75 kg
Peso do bebê: 1,911 kg

FOTO 2: de blusa preta
Data: 23/07
Mês: Nono
Semana: 38
Peso: 80 kg
Peso do bebê: +2,444 kg (peso da semana passada)


Chegado a reta final e morrendo de medo!

segunda-feira, julho 23, 2012

.:AS TRÊS BOLINHAS DA GORDINHA:.

Três bolinhas. Três bolinhas bem redondas formam meu peso atual.

Pois é. Ontem fui realizar um exame chamado Cardiotocografia (normal nas últimas semanas de gestação) e eis que me encontrei com uma bela balança na porta do banheiro do laboratório.

A Filizola me encarou. Resolvi aceitar o desafio. Não sem antes ir fazer um xixi porque a gente é corajosa, mas nem tanto, vai?

Também tirei o tênis, assim, no meio do laboratório.

No confronto com a balança, vale tudo!

Feito o xixi e com o chulé a mostra, subi na dita cuja e encontrei as três bolinhas bem redondinhas lá.

[pausa dramática no texto]





80kg - oi-ten-ta qui-los!




Pausa, mas não no texto. Pausa em frente a balança.

O que fazer:

rir?
chorar?
chorar de rir?
ou rir de tanto chorar?

Bom, era ordem médica engordar, então, precisei sorrir pelo meu filho. Um sorriso tímido, mas era um sorriso.

Corri pra contar pro marido. Ele resumiu num:
- Que bom!

Então ficamos assim: que bom!

sexta-feira, julho 20, 2012

.:TESTE SEUS CONHECIMENTOS:.

Vamos ver se você já me conhece bem.

Você acha que essa cara (redonda) de alegria se deve ao fato de:

(A) Eu estou feliz por ter chegado ao nono mês da gravidez.

(B) Ah! Com certeza é porque eu fui jantar num restaurante. Gordinha que é Gordinha mesmo adora comer fora!

(C) Eu fiquei feliz porque foi minha primeira saída em 60 dias.

(D) Nada disso. Essa alegria toda é por conta da companhia maravilhosa:

quinta-feira, julho 19, 2012

.:EU TENHO VONTADE DE SOCAR!:.

Tô com uma vontade danada de socar a minha cara de bolacha Trakinas! Sério!

Terça-feira (17/07), completei as tão sonhadas 37 semanas, ou seja, cheguei ao nono mês de gestação.

E melhor ainda, a médica me liberou para sentar, andar e retomar as atividades diárias aos poucos.

Até aí, show de bola! Felicidade a mil.

Maaaaaaas [por que tem que ter sempre um MAS?] estou tendo muita dificuldade em sair do repouso.

Eu sei, você está pensando: Como assim? Essa mulher é doida!

É, eu também estou passada. Não acredito que depois de mais de 50 dias deitada, eu esteja enfrentando tanta dificuldade pra voltar a viver normalmente...

Sabe qual é o problema? O repouso detonou minha musculatura e, por isso, dói tudo. Principalmente as minhas costas.

Daí, quando tento ficar sentada, em pé ou caminhar um pouquinho a dor fica mais forte e eu corro pra cama. "Corro" é força de expressão, claro. Porque tô perdendo na corrida até pra minha vó.

Fala se você também não tem vontade de socar a cara da Gordinha?

sexta-feira, julho 13, 2012

.:ANIVERSARIANTE DO DIA:.

Hoje é meu aniversário. Estou chegando aos 30 anos sem nenhuma crise. Juro!

Não sinto medo de envelhecer porque simplesmente não penso sobre isso.

Passei o dia deitada (como me encontro há 45 dias). Recebi a visita de duas amigas queridas, muitos recados e ligações carinhosas.

Eu adoro fazer aniversário e ganhar presentes, mas esse ano foi diferente. Meu dia foi muito "normal". Sei lá. Teve momentos em que eu até esquecia que era meu aniversário. Olha que isso nunca tinha me acontecido antes!

Enfim, deve ser o momento: a proximidade do parto, da chegada do meu primeiro (coff-coff) filho, o repouso...

Talvez seja a vida me mostrando que nada mais será como antes.

quinta-feira, julho 12, 2012

.:DA SÉRIE: COISAS QUE SÓ ACONTECEM COMIGO:.

Levar bronca porque ENGORDOU pouco.

Fala sério, quantas pessoas (com sobrepeso) você conhece que receberam ordens médicas de engordar?

E pior, mesmo depois de receber carta branca pra comer o que quiser "só" engordaram 400g?

CONCLUSÃO: levei uma bronca dupla ontem, da médica e do marido! Preciso comer mais e engordar um quilo até a próxima consulta.

De acordo com a médica, fui muito comportada durante toda gestação. Vai entender...

Cada dia mais ansiosa pra ver meu rock star!

terça-feira, julho 10, 2012

.:SÓ COMIGO MESMO!:.

RETA FINAL

Ah! Estou feliz. Hoje completamos 36 semanas de pura gostosura gestação.

O que isso quer dizer? Já faz 6 semanas que sai de uma consulta em que a médica diagnosticou um risco grande a um parto prematuro. Lembro que saímos da consulta assustados. O bebê ainda estava com 1,400kg e tinha menos de 40cm. Sabíamos que se um parto acontecesse antes da hora, nosso pequeno Erick ficaria na UTI neo natal por muitos dias. Na época, eu ainda estava no sétimo mês.

Hoje, com 36 semanas, o quadro é mais favorável. Daqui a uma semana, entro no nono mês! A partir de então, nosso lindinho passa a ser um bebê nascido a termo (no tempo certo).

Na consulta passada, a médica verificou que o colo continua curto e, por essa razão, manteve o repouso até a próxima avaliação (que será amanhã). O Erick estava 2,030kg e 43cm. Ele está bem, mas precisa engordar um pouco para ajudar no parto normal.

ESCOLHA DO PARTO

Pois é! Eu decidi TENTAR o parto normal. Afinal de contas, muitas coisas favorecem essa escolha. Entre elas:

- Devido ao meu problema de colo uterino curto, a médica considera que terei um parto normal tranquilo e relativamente rápido.

- A recuperação é mais rápida no parto normal do que na cesária. E você deve imaginar que eu estou LOUCA pra sair da cama, dirigir, passear, né? Não gostaria de ficar mais 15 dias dependendo de alguém.

- A médica diz que há pesquisas científicas que apontam que no parto normal o bebê nasce mais "espertinho" por conta do trabalho de parto, é como se ele se preparasse para nascer.

Bom, ainda estou me cagand* de medo das DORES das contrações, eu confesso! Mas a médica disse que posso mudar de ideia a qualquer momento.

DIETA DE ENGORDA

Para que eu consiga ter um parto normal, o Erick tem que ganhar mais 500g e pra ele engordar, eu preciso COMER-COMER.

Lembra da dieta de engorda do post passado? Então, "melhorou"! DEVO comer doces e muito carboidrato em todas as refeições. Difícil pra burro, hein? Minha cara já tá redondinha...

A médica foi bem clara: é pra exagerar! Ela disse que até a consulta passada, eu tinha engordado apenas 4kg a gestação toda, ou seja, podia me dar ao luxo de engordar um pouco mais nessa reta final. Talvez uns 4 ou 5kg. Eu achei mto, mas por ordens médicas vou continuar comendo meus docinhos...

[ah! finge que acredita que eu tô comendo doces APENAS por ordens médicas, vai?]