quarta-feira, agosto 31, 2011

.:DE TÃO CONTENTE, ESQUECI O TÍTULO:.

Ai que delícia! E-ma-gre-ciiiiiiiiiiiiii!

Esse mês foi especial para mim.

Entrei no Desafio de agosto e levei super a sério.

Consegui acrescentar dois hábitos saudáveis a minha vida. Foram eles: não ingerir alimentos ricos em carboidrato (arroz, macarrão, pão) no jantar e fazer uso das cápsulas de chá branco, como auxiliar natural para o emagrecimento. Tenho certeza que não foi só por isso que eu emagreci. De qualquer forma,  ambos os hábitos foram bons para mim e pretendo mantê-los.

Hoje foi um dia difícil porque tudo saiu exatamente o contrário do planejando. Precisei almoçar na rua, as 14h30, quando já estava morrendo de fome.

E você sabe que FOME + FALTA DE TEMPO = Mc Donalds.

Não tinha tempo de entrar, sentar e comer. Precisei comer no carro, então nem pedi a salada. Fui de lanche mesmo.

Pior foi eu tentando fazer o pedido no Drive-Thru.

- Moço, me vê um Big Mc com coca zero e batata pequena, por favor.
- Ah, moça, não compensa. Vai sair mais caro pedir pequeno. Pede com refrigerante e batata média que sai mais barato.
- Não, eu quero tudo pequeno.
- Mas não compensa! 


Eu realmente não queria nada maior. O pequeno era suficiente para mim. Não pelo preço, e sim pela quantidade. Mas também não queria ser feita de idiota e pagar mais pelo pequeno do que pelo médio. Depois de muita negociação, achei um lanche que não ficava mais caro. Mas o moço foi logo lembrando que a diferença era pequena ($).

Mandei na lata:

- Meu filho, a diferença é pequena para quem não está de dieta. Pra quem está, a diferença é enorme. Quero tudo pequeno, por favor.

Parece que os funcionários do Mc são treinados para transformar todo mundo em bola! Eu não caio nessa não...

.:A GORDINHA FOI A FEIRA E TINHA O QUE COMPRAR:.


Comparando o planejamento e a relização:
  • banana nanica 3 reais
  • maçã pequena 1 real
  • mexerica pokã 2 reais
  • mamão papaia  3 reais
  • uva sem semente- Não comprei, estava caro! 10 reais o quilo
  • pera - Não comprei, estava caro! 1 real cada
  • alface americana  1 real
  • tomate/ tomatinho cereja  2 reais
  • pepino - Não comprei, tinha em casa.
  • abobrinha 2 reais
  • mandioquinha  2 reais
  • batata  3 reais
  • rúcula - Não comprei, porque... bem, é que... eu não sei que cara tem! Juro! Nunca comprei rúcula na minha vida.
Extras:
  • morango - 1 real a caixinha
  • goiaba vermelha - 7 por 2 reais
  • salsinha e cebolinha - 1 real
Total: 23 reais

terça-feira, agosto 30, 2011

.:UMA DAQUELAS IDEIAS "BRILHANTES":.

Hoje fiz com meus alunos uma culinária.

Sempre gosto de trabalhar com essa proposta de atividade porque ela proporciona que você trabalhe com as crianças diversos conteúdos de português (receita, pronomes, verbos), matemática (medidas de capacidade, multiplicação, razão entre rendimento e quantidade de ingredientes, fração), ciências (propriedade dos alimentos, calorias, sistema digestório, higiene), entre tantas outras matérias e conteúdos.

Já faz um tempo que cada aluno pesquisou em casa receitas que não precisam de forno ou fogão (na escola não pode usar). Montamos um painel com as receitas e fizemos uma votação para escolher qual faríamos na sala. Aproveitei e pedi que tabulassem os dados num gráfico.

A receita vencedora foi o Bombom Delicioso. Pelo nome, já dá pra sacar que a escolhida estava longe de ser a mais saudável, mas precisei acatar a vontade dos alunos, lembrando-os que podemos consumir doces, porém com moderação.

Eles acharam o máximo porque colocaram a mão na massa literalmente. Ao todo, fizemos sete receitas que renderam no total mais de 700 docinhos! Claro que distribuímos para a escola toda porque seria um pouco demais encarar taaaaaaaaantos quitutes. [Eles bem que queriam, viu?]

Foi um dia gostoso pra eles. Eu estou exausta, cansada, podre, a-ca-ba-da! Deu pra entender?

O pior é saber que amanhã tem mais! Isso mesmo. Vou fazer outra culinária, só que agora com a minha turma da manhã. Ó Senhor!


Já avisei o pessoal da escola que a próxima vez que eu falar em CULINÁRIA é para me dar um cascudo daqueles bem dado.


segunda-feira, agosto 29, 2011

.:PREFIRO O SACOLÃO, MAS VOU A FEIRA:.

No dia 02 de agosto, fiz um texto comparando o sacolão e a feira. Nele, escrevi que prefiro o sacolão por causa da qualidade dos produtos,  da variedade e também da praticidade de encontrar tudo num só lugar [e ainda poder pagar com cartão de débito].

No entanto, porém, contudo, toda via, depois daquele post, não fui mais ao sacolão. [contradições da Gordinha]

É verdade.

Mesmo preferindo o sacolão, tenho ido a feira porque faço isso na minha aula vaga e resolvo essa pendência durante a semana. O  sacolão fica "longe" de casa. Preciso ir de carro, sempre aos finais de semana. E, vamos combinar que o final de semana foi inventado  para curtir quem se ama e descansar.

Amanhã é dia de ir a feira. Sempre levo uma listinha básica para não esquecer nada. Pena que eu nunca sigo ela a risca. Acabo mudando por causa do preço de algumas coisas (ás vezes caro demais, outras vezes em promoção) ou porque não encontro.

Nesta semana pretendo comprar:
  • banana nanica
  • maçã pequena
  • mexerica pokã
  • mamão papaia
  • uva sem semente (dependendo do R$)
  • pera
  • alface americana
  • tomate/ tomatinho cereja
  • pepino
  • abobrinha
  • mandioquinha
  • batata
  • rúcula
Minhas compras costumam durar uma semana e gasto em média 20 reais. Tá caro?

O lado negativo é que fico carregando as compras da feira no muque o dia todo. Preciso levar sacolas grandes de casa e manter as coisas na geladeira da escola. Um esforço que tem valido a pena no quesito "economia de tempo".



Depois da ida a feira, posto a foto das compras para mostrar se segui a listinha ou não, ok?

domingo, agosto 28, 2011

.:O SOL QUE DESPONTA TEM QUE ANOITECER:.

Eu tenho assunto, tenho motivos para escrever, fotos para postar, porém me sinto completamente esvaziada de palavras.

Isso já te aconteceu?




Talvez você não saiba, mas eu sou assim: se algo não sai como planejei, perco a vontade de fazer todas as outras coisas.

Hoje não consegui escrever descentemente no blog, não cozinhei, não planejei aula, não pensei no cardápio da semana. Tô me pergundando até agora o que fiz o dia todo...



Fiquei meia hora tentando achar uma poesia do Luis Fernando Verissimo [amo demais] que diz algo assim: a poesia não existe. O que existe é o sentimento. A gente só coloca as palavras em volta dele e a poesia aparece. Tá num livro dele chamado "Poesia numa hora dessas?". Assim que eu econtrar a poesia, posto ela aqui.



Pra tentar preencher o vazio das palavras, fiz um brigadeiro light.


Como se fosse possível preencher vazio de palavras com doce ou fazer um brigadeiro light.

Ah! Finge que acredita só hoje, vai?

sábado, agosto 27, 2011

.:A AULA DE HOJE É SOBRE ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL:.

Pra quem ainda não sabe, sou professora.

Sou formada em Pedagogia desde 2005 e estou habilitada a ministrar aulas a crianças de 3 a 10 anos (Educação Infantil e Ensino Fundamental I).

Gosto muito do que faço. Muito mesmo. Sou do tipo romântico: acredito na educação. Todo mundo diz que sou assim porque estou no começo de carreira. Bem, tenho o mesmo pensamento há seis anos, então, sei lá. Acho que não vou mudar. Adoro demais minha profissão, meus alunos. Já disse isso, não?

Atualmente, trabalho duplamente - manhã e tarde - para a Prefeitura da cidade de São Paulo (sorte deles - sem modéstia nenhuma). Pela primeira vez em seis anos, tenho duas turmas com a mesma idade e perfil. Isso está sendo um ótimo desafio!

Enfim, falei tudo isso para contar que estou trabalhando com uma das turmas o tema Alimentação Saudável. Na semana passada, quando comecei a matéria apresentando os grupos de alimentos e falando um pouco sobre o que é uma refeição balanceada (nunca me senti tão preparada para falar sobre isso), pedi para cada aluno escolher um dia e anotar tudo o que comeu.

Alguns não ententederam que tinha que anotar TUUUUUUUUDO. Perguntaram:
- Mas bala conta?
- Eu comi mais coisas esperando pelo jantar. Tinha que ter anotado?
- Eu não anotei o que eu comi antes do futebol porque eu jantei em casa depois...

O que eu percebi é que, assim como nós antes da r.a., eles não tinham ideia de como estava a alimentação deles. Eles não sabiam se estavam comendo pouco ou muito.

Cada um escreveu e ilustrou seu cardápio do dia e fizemos um mural.
Na aula que vem, cada um apresentará seu cardápio, avaliará como acha que está sua alimentação e juntos vamos dar algumas dicas para cada criança melhorar de acordo com o que já estudamos ser uma alimentação balanceada.

Por enquanto é isso pessoal!

[Vou ver a mamis. Mais tarde volto com a pizzaria de ontem! Ai...]

sexta-feira, agosto 26, 2011

.:ESPELHO, ESPELHO MEU:.

Tô precisando fazer uma reforma em casa.

Preciso trocar todos os espelhos por esse modelo aí:

[Total sem tempo de Escrever aqui.]

Terminei de ler a série As Brumas de Avalon. Adorei! E já estou lendo outro. Na verdade, relendo. Um rio chamado tempo, uma casa chamada terra, do Mia Couto. Super indico.

quinta-feira, agosto 25, 2011

.:A TAL DA MARMITA:.

Não é porque eu não estou mais postando o cardápio diariamente que eu esteja comendo mal. Pelo contrário. Tenho me alimentado tão bonitinho que nem eu posso acreditar.

A tarefa da semana no Desafio de Agosto é manter a não ingestão de alimentos ricos em carboidrato em uma das refeições (escolhi o jantar) e evitar aquele hábito alimentar que atrasa seu emagrecimento (no meu caso, a tal da beliscada). No geral, estou conseguindo fazer as duas coisas, isso me deixa feliz!

Ontem a noite não tinha nenhuma carne pronta em casa e eu precisava ir pra pós-graduação, então acabei comendo um lanche (pão+presunto+queijo+requeijão/light) no jantar.

Semana passada, depois de três meses empacada no mesmo peso, consegui vencer a balança e emagrecer um pouquinho. Estive pensando no que pode ter contribuído para esse resultado. Tenho certeza que um dos motivos foi que eu comecei a levar a comida pronta de casa todos os dias. Não estou comendo mais em restaurantes por quilo.

É gente, estou falando que a marmita me ajudou! Eu nunca fui muito fã de levar comida de casa. É pouco prático porque dá trabalho pra preparar, dá trabalho para carregar e nunca fica tão boa quanto as dos restaurantes. Mas uma coisa é verdade: a minha comida eu sei como foi feita. Então, sei que tem pouco óleo, não tem fritura, nem tentações extras (tipo: batata ou mandioca frita quentinha...). Fora que é aquela quantidade e ponto final!

Eu sou meio muitoooo preguiçosa, mas esse é um hábito que vou manter com certeza.

Minha marmitinha de ontem: arroz integral, feijão, purê de mandioquinha,
carne moída, salada de pepino, tomate e alface americana.

quarta-feira, agosto 24, 2011

.:TODO DIA É ASSIM:.

Todo dia luto contra a baleia assassina que vive em mim.
Ah! Tô perto de chegar no peso aí de cima.

Não, gente. Não no peso da baleia. No peso que eu estava quando me casei.

terça-feira, agosto 23, 2011

.:MILAGRES NÃO EXISTEM (EM R.A.):.

Já faz um tempo que as pessoas estão repararando que estou emagrecendo (beeeeeeem de leve, mas estou).

Frequentemente, alguém me pergunta:
- O que você está fazendo?

E quando eu explico que estou em reeducação alimentar e blá blá blá, noto uma certa decepção.

As pessoas sempre esperam alguma resposta do tioo:
- Estou tomando Carbono XBTO, um remédio que queima todas as gorduras do corpo.

- Comprei um aparelho que queima 700calorias em 1 minuto.

- Estou tomando um chá que elimina gordura pelo xixi.


Enfim, elas buscam um MILAGRE. Uma mudança de fora para dentro.

Sim, algumas coisas AJUDAM a emagrecer, mas elas não fazem nada sozinhas. Os japoneses não são magros só porque tomam chá verde. Eles também têm uma dieta balanceada.

Reeducação alimentar é mais do que seguir uma dieta.

Reaprender a comer é uma lição para a vida toda.
Uma mudança de dentro para fora, em que o maior combustível é a vontade de viver bem e ser feliz.

Mas também é preciso:
  • QUERER emagrecer.
  • APRENDER com os erros e não repiti-los.
  • MEXER mais a bunda.
  • MUDAR o pensamento.
Então, bora mudar!

segunda-feira, agosto 22, 2011

.:ANTES E DURANTE (2):.

Primeira foto: em janeiro, antes de começar a R.A.
Segunda: na Pizza Hut, nos primeiros meses de R.A.
Terceira: foto mais recente, 7 meses em R.A.

Dá pra ver alguma mudança?

Às vezes, acho que sim, outras nem tanto.

.:ELE SE FOI:.

O final de semana se foi. Que dó!

Sábado foi o único dia da semana que não consegui evitar os alimentos ricos em carboidratos na janta.

Foi impossível dizer não pra pizza. Comi sem culpa, mas optei por uma versão com abobrinha.

Depois do pesinho novo (e porque eu tava precisando mesmo), decidi dar um tapinha no "visu" e ter um dia de princesa. Passei horas no cabelereiro retocando as minhas luzes e lendo As Brumas de Avalon.
As fotos foram tiradas pelo marido amado, que ficou fazendo mil palhaçadas.
Por isso, que eu tô indo até.
No domingo, como de costume, quis ir ao sacolão, mas não tive tempo. Então, aproveitei o que tinha na geladeira. Fiz purê de mandioquinha, arroz integral, feijão, creme de espinafre.

Já falei aqui que gosto de cozinhar e, modéstia a parte, até faço isso bem.

Fiz uma sopa creme de espinafre que ficou horrível. Não, sério mesmo. Acho que não vou ter coragem de comer aquilo. Tentei arrumar de tudo quanto foi jeito, mas não rolou. Ficou amargo.

Acordei cedo hoje (segunda-feira) para ir ao trabalho caminhando, mas tá um friiiiiiio.




Será que tá tanto frio assim ou é desculpa da Gordinha?




sábado, agosto 20, 2011

.:JANTARZINHO LIGHT:.

Ontem fomos no Maria Zabbé em Vinhedo.
O lugar é uma graça. Bem decorado, aconchegante e gostoso.
Por alguns minutos, achei que estava perdida porque a especialidade deles é petisco de boteco, ou seja, frituras e mais frituras. Procurei no cardápio alguma escolha mais light. Não achei. Fiquei com aquela cara "Meu Deus! Não tem salada! E agora?". Minha prima percebeu e falou:
- Você viu essas opções de pratos leves?

Acabei escolhendo um frango grelhado com salada de folhas verdes, cenoura ralada, tomate (que não veio!) e queijo parmesão.

Foi gostoso jantar com minhas primas e curtir os elogios do maridão quanto ao peso novo.
Com minhas primas lindas: Ferpa e Pri.


sexta-feira, agosto 19, 2011

.:UMA IMAGEM QUE VALE MAIS DE MIL GRAMAS:.


Há dois dias venho me pesando e vendo o peso cair. Finalmente!

Esperei ter certeza (me pesei 1.546.798 vezes) para postar isso: sai da casa dos 74kg e cheguei ao menor peso desde o início do blog: 73,3kg. Estou mega feliz e sei que esse resultado só foi possível graças ao meu empenho no Desafio de Agosto.

Posso não ser a vencedora do desafio, mas com certeza já ganhei muito com ele.

Pra comemorar, estou indo comer pizza com um casal de amigo.

Calma gente! Vamos mesmo comer fora com amigos, mas é brincadeira que eu estou fazendo isso para comemorar. Porque agora eu sou uma pessoa que pensa como gente phyna, endendeu?

Na verdade, nem tudo é perfeito, mas um dia chego lá! Quem duvida?

quinta-feira, agosto 18, 2011

.:BOAS ESCOLHAS:.

Vocês já sabem que durante essa semana estou tendo a difícil tarefa de não consumir carboidrato na janta, certo?

Por mais incrível (e chato) que possa parecer, descobri que é possível se alimentar bem sem carboidrato.

Não vou dizer que é fácil jantar sem comer arroz, macarrão ou pão, mas estou conseguindo. Veja quais foram as minhas escolhas nesses quatro dias de tarefa:

Estava tudo tão bom que nem deu pra sentir falta do tal do carboidrato.

.:HÁBITOS ALIMENTARES: PASSADO, PRESENTE E FUTURO:.

Na semana passada, a tarefa semanal do Desafio de Agosto foi evitar um hábito alimentar que prejudicasse seu emagrecimento.

Ainda sobre essa tarefa, estive pensando nos hábitos que tinha, tenho e pretendo ter.

Antes de fazer a redução do estômago:
  • Não era hábito consumir frutas, legumes e verduras. Consumia de vez em quando e normalmente como acompanhamento de algo calórico. Por exemplo: torta de maracujá ou morango, bolinho de legumes, couve-flor frita, etc.
  • Sempre optava por fritura.
  • Bebia refrigerante normal.
  • As refeições eram instáveis. Comia pouco no café da manhã e almoço. A noite, abusava no jantar e na ceia. Costumava ir deitar tarde, então, ficava beliscando até dormir.
  • O pão nosso de cada dia era do tipo francês. Com direito a mais de um por dia.
  • Comia um doce depois de todas as refeições.
  • Adoçava sucos e café com açúcar.
Depois da redução do estômago:
  • Comecei a tomar refrigerante light.
  • Não conseguia comer muito, então comia várias vezes por dia.
  • Trocava uma refeição completa por um doce. [Fiz isso muitas vezes.]
  • Passei a comer algumas frutas (não regularmente) e experimentei algumas verduras e legumes.
  • Comia pouco, mas bem errado.
  • Passei a tomar o café (apenas o café) com adoçante. O açúcar me dá dumping.
  • Ainda não tinha muito horário para comer.
  • Comia o que tinha disponível.
Agora, tentando a salvação reeducação alimentar:
  • Todas as bebidas que consumo são light ou zero.
  • Não uso mais açúcar para nada.
  • Como pão integral e light diariamente.
  • Faço minhas refeições de 3 em 3 horas.
  • Como, pelo menos, duas frutas por dia.
  • Tanto no almoço, como na janta, como legumes e verduras.
  • Procuro variar o cardápio para não enjoar de nada.
  • Planejo semanalmente meu cardápio com o que tenho em casa.
Ainda preciso melhorar:
  • Depois das refeições, ainda preciso do doce. Mas procuro comer uma barrinha ou fruta.
  • Entre as refeições, ainda belisco alguma coisa de vez em quando. (Normalmente doce: bolachas, cookies, chocolate)
  • Tenho dificuldade em recusar algo gostoso, mesmo quando já estou satisfeita.
E você, que hábitos alimentares precisa aderir ou extinguir da sua alimentação?

quarta-feira, agosto 17, 2011

.:O DESAFIO NOSSO DE CADA DIA:.

Todo mundo mora - ou deveria morar - perto de alguma padaria.

Comigo não é diferente. Há uma padaria a menos de 200m de onde moro. Não é uma padaria assim com "p minúsculo". É A Padaria! Lá tudo é convidativo e gostoso.

Quando morava com minha mãe, antes de casar, frequentava uma padaria próxima da meu ex-apê exclusivamente para comprar pão porque tudo lá era bonito, mas nada era de fato gostoso.

Porém, há dois anos descobri o que é uma padaria de verdade. E isso se tornou um problema. Quando preciso passar por lá, fico louca de vontade de comprar todos os docinhos que eu conheço bem e adoro: bicho de pé, nhoque mineiro, canudinho de leite condensado, palha italiana, brigadeiro de paçoca, ... Mil doces!

Hoje mesmo passei para pegar pão pro Edgar e fiquei salivando... Tinha tanta coisa boa. Acabei pegando o nhoque mineiro para ele. [Ah tá!]
E vocês, moram perto de alguma Padaria com "p maiúsculo"?


.:PRECISA-SE URGENTE:.

* uma dose de vontade

* uma porção de ânimo

* uma pitada de bom humor

* 1 xícara bem cheia de pensamentos alheios a alimentação

* muito muito tempo para fazer tuuuuudo que preciso!


Tempo, tempo, tempo, tempo...

terça-feira, agosto 16, 2011

.:SLOW MOTION:.

Hoje estou no modo slow motion. Tudo está acontecendo em câmera lenta a minha volta.
Foto tirada daqui.

Acordei cansada. Mal conseguia abrir os olhos. Quem me viu as 7 horas da manhã, achou que eu passei a noite na gandaia. Mas que nada! Fui dormir cedo, não aguentei nem ler.

O problema é que algum resfriadinho meia boca me pegou. Odeio ficar doente. Passei o dia mal, tendo calafrios, com sono. O dia demorou dois séculos e meio para passar. Sem exageiro.

Sigo firme no Desafio de Agosto (apesar da balança continuar dando uma de jumenta-empacada). Comi bonitinho e evitei o carboidrato na janta. Mesmo doente, fui trabalhar a pé. Na verdade, eu não tinha outra opção, já que estava sem o carro.

Além disso, ainda fui a feira na hora do intervalo comprar frutas, legumes e verduras.

Voltei pra casa toda carregada: bolsa + mochila + sacola grande com as coisas da feira + blusa + bolsa térmica com restos mortais da marmita do dia.

E pra ajudar, a alça da sacola com as compras da feira arrebentou no meio do caminho. Que raiva!

Eu queria postar o cardápio de ontem e de hoje, mas sinceramente a minha pilha acabou... Fiquei 1 hora para escrever esse texto minúsculo e sem fotos [pra você ver meu estado!].



Prometo que até quinta-feira retribuo as visitinhas, ok?

segunda-feira, agosto 15, 2011

.:DESAFIO DE AGOSTO E MAIS:.

Sempre aos domingos, planejo o cardápio da semana.

Ontem tive uma péssima notícia ao abrir a geladeira: estava praticamente zerada de frutas, verduras e legumes. Então, amanhã precisarei ir a feira.

Conversei com meu More-more e combinamos que esta semana jantaríamos lanche. Achei a ideia ótima porque acho que a ingestão de calorias é menor e o trabalho também (fora que suja menos louça!).

No entanto, não estava contando que a tarefa da semana do Desafio de Agosto seria justamente não consumir carboidrato em uma das refeições principais.

Acabei escolhendo não ingerir carboidrato na janta porque acho que assim posso emagrecer mais, ou melhor, posso emagrecer alguma coisa (ultimamente ando mais empacada que cachorro em frente a máquina de frango assado).

Daí cheguei em casa e pensei: E agora, o que eu vou jantar?

Improvisei uma lasanha de abobrinha. Ficou muito boa. Só não ficou perfeita porque soltou uma água, acho que da abobrinha.

Para fazer o recheio usei peito de  peru e mussarela. Não fiz molho vermelho, usei um molho pronto de 4 queijos que tinha em casa.

O cérebro foi enganado direitinho. Estou sem fome!
[Ao fundo, ouve-se a canção "Aleluia, aleluia, aleluia, aleluia, aleluuuuuuuiaaaAA".]

Vou fazer essa receita outras vezes. Tá aprovada!

Daqui a pouco volto com o cardápio com direito a lasanha de abobrinha, bolo de aniversário e muito óleo de peroba.


domingo, agosto 14, 2011

.:UM FINAL DE SEMANA CHEIO DE FOTOS:.

uma palavra resume meu comportamento durante o final de semana. E nem posso escrevê-la aqui porque é um palavrão.
Mas você já imagina, né? [f**a!]
Sábado fomos pra chácara comemorar o dia dos pais por lá.
Eu, meus irmãos e meu pai. Ele é nota 10!
 Meu pai fez churrasco e, como ele é nota 10, não esqueceu de preparar salada para a Gordinha aqui.
Aproveitamos para comemorar o niver do More-more.
O tempo estava aberto, quente, lindo!
Foi ótimo viajar, encontrar minha família. Adoro tanto aquele lugar.

Estar entre as pessoas que mais amo no mundo (família e marido) foi tão gostoso que todo aquele desanimo sumiu.

Eu bem que tentei me redimir de todos os pecados, fazendo uma caminhada ao lado da mamis hoje, mas confesso que foi pouco.

Durante o sábado, não exagerei nas porções, no entanto, comi doce e belisquei bastante. Não fiz as refeições bonitinhas, como deveria.

Voltamos pra Sampa na hora do almoço de domingo e fomos no churrasco na casa do meu sogro.

Consegui seguir uma linha: não comi pão, nem arroz. Garanti a salada e muita carne vermelha (minha médica ia adorar!). Bebi bastante água. Na verdade, essa foi minha tática: deixar o copo cheio de água na mão. Assim, como menos. Aprendi com a Alê. Na hora da sobremesa, comi bem pouco, como uma lady!

Olha como a tentação foi grande:

Amanhã, recomeço com força total. Estou sem carro (ficou na casa da sogra), então, vou ter que ir trabalhar a pé. Faça chuva ou faça sol. Tomara que faça sol...

[Vou visitar os blogs pra saber se pra todo mundo o final de semana foi tão f**a difícil quanto o meu.]

.:VOCÊ ACREDITARIA...:.

... se eu dissesse que o final de semana foi assim?

Nãããão?

Que bom que você já está sabendo bem quem eu sou!

[Em breve, volto com o resumo (verdadeiro) do final de semana.]

sexta-feira, agosto 12, 2011

.:O NEGÓCIO DEGRINGOLOU:.

degringolar
(francês dégringoler)
v. intr.
v. intr.
Cair em decadência ou em desordem. = DECAIR
 



Pois é. Começou ontem com um simplório chocolate. A noite, teve 5 bolachas Calipso (140 calorias).

Hoje não fui trabalhar nas escolas (sou professora). Tive formação (curso do Rino Mania) e a rotina alimentar foi pelo ralo.

Os dois lanches (manhã e tarde) foram mega calóricos com sanduíche de patê de atum, salada de fruta e pedaço de bolo pullman.

O ponto positivo é que na hora do almoço tivemos que caminhar bastante para encontrar um restaurante. Quer dizer, não era BEM um restaurante. Era o tal do Mc Donalds. Conhece?

Eu pedi a salada com frango e coca-zero.
Engraçado que uma das moças que estava com a gente falou:
- Pra que pedir salada, se vc vai tomar refrigerante?

Vamos combinar que ela tinha pedido um lanche+batata+refri normal e estava implicando com a minha coca ZERO. Pô, dá uma raiva! [Acontece isso com vocês?]

Enfim,vou jantar na minha sogra e estou torcendo pra ela ter feito algo light.

Hoje não tenho coragem de postar o cardápio. Amanhã entro na linha...



Peraí, não é amanhã o churrasco do meu pai?



Então, domingo eu entro na linha.



Peraí, domingo não é o churras de dia dos pais na casa da minha sogra?



FERROU!
(O jeito é maneirar nas duas comemorações, ou melhor, no resto da vida...)

.:NÃO QUERO QUE ESSE MÊS ACABE NUNCA:.

Estou recebendo tanta gente legal por aqui!

Aos novos, não se esqueçam de deixar recado com o link do blog de vocês. Aos poucos, estou visitando, seguindo e linkando tod@s.


Muito obrigada pelo carinho!

quinta-feira, agosto 11, 2011

.:FAÇA O QUE E EU DIGO:.

Aviso: quem não quiser morrer de raiva (de mim) pare a leitura por aqui. Passe mais tarde.

Postei a pouco, dizendo que não estou emagrecendo e um monte de blá blá blá...

A verdade é que há três dias estou numa TPM filha-da-mãe. Estou mal humorada, nervosa, brava, irritada... Tentei de tudo: contar até 10, chá de camomila, contar até mil!

E pra completar, agora na hora do almoço, vim pra escola pensando:
- Huuuuum.. Hora do almoço, finalmente. O que eu trouxe hoje mesmo?
[Típico pensamento de Gordinha]

Foi nesse momento que lembrei que não tinha colocado nenhuma carne. Que ó-ti-mo! Isso era tudo que eu precisava. Passei num por quilo e comprei dois filet de frango (5 reais!). Cheguei na escola com a carne e cadê a minha bolsa térmica? Esqueci na outra escola! *&¨%$#!#$

Foi nesse momento que eu resolvi detonar a minha TPM [e a reeducação alimentar também] com a única coisa que pode melhorá-la.

CHOCOLATE

(Tá, pode deixar recado acabando comigo!)

.:DOIS CARDÁPIOS E UMA CONSTATAÇÃO:.

É fato. Não estou emagrecendo.
Desde maio, meu peso é o mesmo.

Repito: DESDE MAIO, MEU PESO É O MESMO! [@#$%I&¨*&¨%$#!]

Tudo bem que ainda não fiz atividade física essa semana, mas isso não é motivo. Eu deveria perder, pelo menos, algumas graminhas... Só ando perdendo mesmo a paciência!

Preciso mudar, preciso mudar!

Analisando o cardápio decidi: vou diminuir as porções dos lanches (de novo).

Será: uma fruta ou uma barrinha ou um pollenguinho ou um iogurte.

Afff... vou ficar com um mau humor FDP fome... Porém, preciso mudar se não vou continuar a bolinha-fofa que estou. Isso não quero mesmo, viu?

Cardápio 10/08/2011
O frio mandou a vontade de beber água embora...

Café: pão light com presunto e cream cheese/ café com adoçante/ mamão
Lanche: 1 barrinha e mexerica
Almoço: Saladinha de beterraba, cenoura e palmito e alface e mandioca com carne e creme de ricota
Lanche: banana , pollenguinho light
Jantar: sopa de legumes, 3 torradas integral, 2 bolachas Passatempo
Ceia: sopa de legumes, mamão

Atividade física: Zero!!
Auxiliar Natural: Chá branco em cápsulas

Cardápio 09/08/2011
E a atividade física ó...!

Café: pão light com queijo branco/ café com adoçante
Lanche: 1 maçã pequena, 1 fatia de pão com queijo branco
Almoço: Saladinha de cenoura, beterraba, arroz, feijão, 2 ovos cozidos/ 1 banana
Lanche: 1 activia, barrinha
Jantar: sopa de legumes, batata no potinho com strogonoff


Ceia: chá de camomila e pão folha com ricota e uma folha de alface

Atividade física: Zero vezes 2
Auxiliar Natural: Chá branco em cápsulas

quarta-feira, agosto 10, 2011

.:CARNE COM MANDIOCA NO POTINHO:.

Gostei desse negócio de fazer comida no potinho.
Hoje vim almoçar em casa e aproveitei o que tinha na geladeira.

CARNE COM MANDIOCA E CREME DE RICOTA

Ingredientes
Filet mignon cortado em tirinhas
Mandiocas cozidas
Salsinha, cebolinha
1 colher de margarina light
1 colher de creme de ricota
Modo de fazer
Frite a carne com pouco óleo. Faça um purê com as mandiocas, acrescentando a margarina e os temperos.
Seque as tirinhas de carne no papel toalha.
Coloque uma colher de creme de ricota no centro da tigelinha com o purê de mandioca e depois a carne. E é só saborear!

Ficou ótimo. Não comi nem arroz e nem feijão, fiquei com a mandioca com carne e salada.

terça-feira, agosto 09, 2011

.:NÃO TENHO VONTADE DE NADA!:.

Sabe aquele dia (Ah! Você com certeza sabe...) que nada tá bom?

Você não tem vontade de trabalhar, nem de ficar em casa.

Não quer fazer tarefas domésticas, mas simplesmente não consegue ficar parada.

Aquele dia em que você prefere ouvir do que falar.

E bem naquele momento em que você deveria se calar, solta os cachorros e não quer nem saber.
[TPM maybe?]

Então, hoje é um dia desses pra mim.

Nem eu tô me aguentando... [Marido também não.]

E no meio disso tudo, escuto o repórter na TV anunciar que amanhã será um dia frio, escuro e chuvoso. Tudo que eu precisava. Só porque queria ir trabalhar a pé.

Pelo menos, na r.a. o dia foi bom. Nada de beliscadas, tomei bastante água, comi frutas, verduras. Nada de doces, refris e afins.

Hoje fiz uma receita que aprendi no Panelaterapia. Conhecem o blog? É demais!
Batata assada no potinho com strogonoff: lindinha e deliciosa!
Receita aqui.

Depois posto o cardápio completo.

E seu dia, foi bom? Fala que eu te escuto!

segunda-feira, agosto 08, 2011

.:SEGUINDO O PLANEJAMENTO:.

Cardápio 08/08/2011
[Tem tanta gente legal visitando o Memórias da Gordinha. Mas eu continuo não conseguindo comentar em um monteeee de blogs. Meninas, peço que observem se no blog de vocês o comentário abre via pop up ou então se dá pra comentar colocando URL e Nome. PeloamordeDeus! Não me deixem sem poder comentar que vocês matam a Gordinha aqui do coração.]

Abandonando o velho hábito de beliscar!

Café: pão light com presunto e requeijão light/ café com adoçante
Lanche: 1 fatia de pão integral com queijo branco e maçã assada
Almoço: Saladinha de kani, alface e tomate cereja, salmão, arroz, feijão/banana
Lanche: mexerica, 1 polenguinho light
Jantar: sopa de legumes, frango em pedacinhos, 3 torradinhas integrais/ 1 barra de cereal

Ceia: Chá de camomila,

Atividade física: Não fiz nada. Tive reunião de pais, então tive que ir vestida de menininha. O tênis ficou em casa e a vontade de caminhar de sapatinho de salto e encher o pé de bolha também.

Auxiliar natural: Cápsulas de chá branco e cristais de gengibre. Não tô sentindo nenhuma diferença. 

.:MAU HÁBITO ALIMENTAR:.

A segunda tarefa do Desafio de Agosto é deixar um mau hábito alimentar de lado. Sabe aquele tipo de hábito que você sabe que atrapalha seu emagrecimento?

Pensei bastante e acho que meu problema não é fritura, nem refrigerante (substitui pelo chá gelado faz tempo). Talvez o doce no final de semana, mas não que seja um hábito...

Então, pra ser sincera, acho que meu problema é a beliscada fora de hora. Por exemplo, enquanto preparo o almoço, belisco uma torradinha. Ou na hora da janta, fico com fome e acabo comendo algo enquanto esquento a comida...

Então, será esse hábito que vou tentar suprimir do meu dia-a-dia.

As tarefas do Desafio de agosto são divididas em duas categorias: fixas e semanais.
Tarefas Fixas do desafio e pontos:
-Usar um auxiliar no emagrecimento NATURAL: pode ser cha ou capsulas de cha branco, verde, vermelho, capsulas de farinha do feijão branco, linhaça, qualquer coisa, desde que você se sinta bem e seja algo SAUDAVEL. (5 pontos/dia cumprido)
-Praticar Atividade Fisica: o indicado é que seja feita no minimo 3x na semana e qual fazer fica por sua escolha.(5 pontos/dia cumprido)
-Consumir no minimo 2 porções de frutas ao dia  (5 pontos/dia cumprido)
-Consumir legumes ou verduras  no dia (ao menos um dos dois) (5pontos/ dia cumprido)
-Consumir no minimo 2litros de agua dia (5 pontos/dia cumprido)
by Giovana
Tarefa Especial - Segunda Semana (de 08/08 até 15/08):
-Deixar de um mal hábito alimentistico de lado, ou seja não consumir aquele doce, refri, massa em exagero, etc.
Vale 10 pontos por DIA conseguido
by Giovana

Enfim, todo dia que você substitui esse mau hábito por algum outro bom, você ganha 10 pontos. Achei a ideia ótima, pois obriga você a seguir assim a semana toda.

Só estou tendo dificuldade em beber 2litros de água por dia. Chegou nos 1,5L com muito custo. Alguma dica??

.:VICIEI:.


No frio, dá uma certa preguiça de comer fruta, então adorei a sugestão de assar a maçã no microondas.

Hoje levei um kit pra escola e comi na hora do lanche.


domingo, agosto 07, 2011

.:O PIOR DIA DA SEMANA:.

Na minha humilde opinião, domingo é o pior dia da semana. A preguiça ataca, mas a lista de tarefas é graaaandeeeeeeeee. A única coisa boa de domingo é ficar com o marido (no tempo que me sobra...).

Fora que depois das 20h, vai me dando uma agunia, uma ansiedade, um medo da semana.

Porque eu tenho a sensação de que a gente acelera na segunda e só vai brecar na sexta-feira, então se você começa alguma coisa errada, dificilmente vai conseguir acertar durante a semana...

Pois é! Um pensamento idiota, mas enfim, é assim que eu me sinto...

Planejei o cardápio da semana, anotei junto com ele todas as opções que tenho de frutas, legumes, verduras, carnes, entre outras coisas.

Pra ver detalhes, clique na foto:
Fui pra cozinha, preparei a sopa da janta para os próximos três dias, fiz brócolis, cozinhei mandioca.

Fiz arroz integral e ficou salgado. Pensei em jogar fora e fazer mais uma xícara de arroz integral, mas não tava nem um pouco afim de ficar mais 45 minutos cozinhando. Lutei pra achar arroz normal na despensa. Achei. Fiz e ficou sem tempero. Eu mereço!

Vou correr pra aproveitar o tempo que sobrou pra ficar com meu amor. Fui!

sábado, agosto 06, 2011

.:CULINÁRIA ÁRABE:.

Tem uma professora nova na escola que comentou que o marido tem um empório de produtos árabes.

Minha avó materna era de origem Síria-Libanesa. Ela estava sempre fazendo pratos típicos: kibe cru, charuto, coalhada seca, tabule, esfihas... Eu sempre gostei muito (da minha vó e da culinária dela).

Comentei isso com a professora nova e ela levou alguns produtos para vender. Eu comprei uma ricota (zatar), um saco de pão folha e um potinho de coalhada seca. Delícia!
O melhor de tudo é que está escrito "produto light" no cantinho da embalagem de zatar.

Comi a coalhada de manhã, substituindo o requeijão light.

A ricota (zatar) e o pão folha comi agora a noite. A Giovana que desenvolveu o Desafio de Agosto (quem tá fazendo parte dele também?) postou algumas dicas de receita light e uma delas foi o Wrap com peito de peru.

Fiz a receita usando o pão folha (que é mais fino que o pão sírio normal) substituindo o peito de peru pelo presunto magro (1 fatia) e acrescentando 2 colheres de ricota1 colher de maionese light.

Ficou MARAVILHOSO! Recomendo.

sexta-feira, agosto 05, 2011

.:DE NOVO, NÃO!:.

Depois que reduzi o estômago há pouco mais de sete anos, não tinha um dia sequer em que eu esquecia que tinha feito a gastroplastia . Lembrava disso no café, no almoço, na janta e em vários outros momentos. Se você conhece alguém que já fez essa cirurgia, sabe que tem N coisas que mudam. [Antes e Depois da redução do estômago]

As mais comuns são:
- Diminuição das porções. Mesmo que a pessoa queira, não consegue comer muito.

- Vomitos ocasionados por excesso de comida. Em sete anos, nunca aconteceu comigo.

- Entalamento. Quando você não mastiga direito e fica com a comida entalada. Acontece comigo quando eu como depressa.

- Sindrome de Dumping. A Síndrome de dumping, muito comum em pessoas operadas do estômago como eu, acontece quando há uma passagem rápida do conteúdo gástrico para o intestino, principalmente de alimentos ricos em açúcar. Os sintomas comuns são: sonolência, náuseas, fraqueza, suor frio intenso, desmaios e diarréia após a alimentação.

Desde 20 de abril, eu não tinha um dumping, mas hoje aconteceu (depois de comer dois pedacinhos de chocolate e uma bolacha com nutella no lanche da manhã) e passei o dia lembrando da redução.

O dia não foi nada fácil. Fui trabalhar a pé, conforme prometido.


Só que estava um frio animaaaaaaaaaaaaal e eu estava apenas com duas blusas finas de lã e precisei ligar pro meu marido e pedir para ele levar um casaco para mim. [Valeu More-more!]

Na hora do almoço, fiz mais uma caminhadinha. Fui a biblioteca pública devolver os livros (Nárnia e As Bumas de Avalon III), renovar Os homens que não amavam as mulheres e peguei o livro final da série As Brumas de Avalon.

No total, devo ter andado uns 3km.
Biblioteca pública. Virei "freguesa".
O grande problema do dia foi que não teve aula nas escolas onde eu trabalho. Teve reunião pedagógica. E a equação é SEMPRE a seguinte:

 (professores + dia sem aula + reunião) x 2 = orgia alimentar
(pé na jaca mesmo!) 


Eu juro que tentei me controlar de manhã e de tarde. Olha que não foi fácil!

Teve creme de avelã, chocolate, biscoito da sorte, pãozinho de tudo quanto é jeito, refrigerante, pudim, trocentos tipos de bolo. Tentei fazer boas escolhas: evitei refris, não comi bolo, optei pelo atum light com bisnaguinha. Tudo sem abusar. E mesmo sem exagerar, tive um dumping porque meu estômago não aceita mais açúcar [Será que dá pra ele avisar a minha cabeça de Gorda? Por favor...].

Depois posto o cardápio com tudo que eu comi porque este texto já tá enorme demais e ninguém deve ter lido até aqui.






...Ah! Você ainda está aí? Que bom!






Pode me ajudar respondendo:
O que fazemos quando somos colocados em situações tão calóricas sem ter um ataque "KCT! Só de olhar, já engordei!"?

.:AMOSTRA GRÁTIS:.

Já tinha comido puro, mas com a sopinha ficou ainda melhor.

Aprovado!

quinta-feira, agosto 04, 2011

.:RECEITINHA LIGHT DA SEMANA:.

A tarefa da semana do Desafio de Agosto é fazer alguma culinária light e, claro, saboreá-la. Como eu que cozinho em casa, tudo tem sido light-diet-zero-integral!

Nesta semana, caprichei nas sopinhas.

Então vai a receita de uma que fiz hoje.

SOPA DE LEGUMES DA Gordinha


1 ABOBRINHA
2 MANDIOCAS PEQUENAS
1 BATATA
1 CENOURA
1 CEBOLA
1 COLHER DE CAFÉ DE ÓLEO DE GERGELIM
SAL E TEMPERO BAIANO A GOSTO

Ferver a água e colocar os legumes picados na seguinte ordem: mandioca, cenoura, batata, cebola e por último a abobrinha. Acrescente o sal, o tempero e o óleo. Deixar ferver até os legumes ficarem molinhos. Se quiser deixar a sopa grossa, acrescentar a batata cortada ao meio. Depois que ela estiver bem molinha, retire da panela, amasse a batata e coloque na sopa. Fica uma delícia!

Cardápio 04/08/2011
O dia em que o biscoitinho da sorte trouxe a VERDADE!

Café: pão light com queijo branco/ café
Lanche: 1 fatia de pão integral com creme de ricota e 1 mexerica
Almoço: Yaksoba com 1 biscoito da sorte
Lanche: 1 barrinha de cereal, activia papaya
Jantar: sopa de legumes, 5 nuggets assado

Ceia: vou ter que repetir a sopinha

Atividade física: Com o frio, amuei e não fiz nada ontem e hoje. Amanhã eu vou trabalhar a pé. 

Auxiliar Natural: Comecei a tomar hoje capsulas de chá branco. Vou testar para ver se dá certo.

.:BISCOITINHO DA SORTE:.

.:TEM DIAS QUE EU FICO PENSANDO NA R.A.:.

A gente sabe o que quer (emagrecer!). Tem o que precisa (comidinhas e mais comidinhas light). Pensa sempre antes de fazer. No entanto, tem dias em que a gente simplesmente perde a mão na reeducação alimentar.

E não é por sentir fome, perder a força de vontade, querer muito comer alguma coisa.
É simplesmente por não estar com o foco nela.

É só a gente estar mais atenta a outra coisa que, de repente, a r.a. vai pro reino de "Tão tão distante". Tudo vira fumaça, some. Não sei explicar. Quando vê, já foi.

Ontem era para ser um dia ótimo e até foi até certo ponto. Mas o bicho pegou na janta (2 fatias de pizza, sopinha, barrinha de cereal e 6 docinhos de festa). Eu estava muito ansiosa com o niver e a volta do maridón de viagem e aí já viu. Esqueci de todo o resto...
Os fatores externos (frio, chuva, sol demais) e internos (sentimentos) também atrapalham no dia-a-dia.

Ontem e hoje o frio foi tanto que não dei conta de ir ao trabalho andando.

E hoje acordei tão chateada, amuada, sentida que nem preparei nada para almoçar. Nem sei o que será de mim na hora do almoço...

quarta-feira, agosto 03, 2011

.:UM AMOR PARA TODA A VIDA:.

Já contei nossa história no post Dois Gordinhos e uma história de amor.

Hoje é aniversário do meu More-more.
Palavras são inúteis para descrever o tamanho do meu amor por ele.

Parabéns, Gordinho! Te amo!
Que nossa alegria seja e*t*e*r*n*a!


"E um dia então junto ao portão
nosso lugar irei te esperar
e tu viras de um mundo triste
e ficaras pra sempre junto a mim
e o sol da felicidade
de novo brilhara
feliz serei
faleis serás
até o fim"


Nada a nos separar - Djavan
http://www.youtube.com/watch?v=f3ydW-aRIUQ&feature=related

terça-feira, agosto 02, 2011

.:SACOLÃO x FEIRA:.

Hoje é o segundo dia do Desafio de agosto e segui tudo bonitinho.
De acordo com o desafio, devemos:

- comer duas porções de frutas
Já estava no meu planejamento semanal.

- fazer uso de um auxiliar natural (vale de tudo)
Estou usando chá verde na ceia (500ml), mas ontem demorei para dormir

- consumir verduras e legumes
Isso eu já fazia e continuo.

- praticar atividade física 3 vezes por semana
Estou deixando o carro em casa todos os dias e subindo 8 andares de escada.

- beber dois litros de água por dia
Estou tendo muuuuuuuuuuuuita dificuldade com esse item. Com muito custo tomei ontem. Hoje tô numa enrolação que só vendo. Ainda falta 1 litro.

Ontem reclamei do preço dos produtos light no supermercado. Reparei que ando gastando demais com comida [Meu Deus! Não deveria ser o contrário?] Só de sacolão, gasto em média 180 reais por mês. Eu acho demais (só eu como legumes e verduras em casa).

Enfim, hoje deixei meu preconceito e a preguiça de lado e fui a feira na minha aula vaga da manhã. Achei que ia fazer uma put* economia, mas que nada! Gastei 20 reais e só comprei isso aí ó:
1/2 dúzia de banana, 2 mamões, 1/2 dúzia de mexericas, mandioca,
abobrinha, cebola, cenoura, mandioquinha, cenoura e brócolis


Fiquei com a impressão que no sacolão tem maior variedade, os produtos são melhores e os preços estão bem parecidos com a feira.

Fora que a loira aqui comprou as coisas de manhã e como estava sem carro, tive que andar com as frutas e verduras no muque! Maior dificuldade. Semana que vem, volto ao sacolão.

Agora, olha a loucura! Já contei que ando com mania de me pesar de tudo quanto é jeito.

Cheguei em casa cheia das sacolas, esbaforida - por razões óbvias, usei o elevador - e sabe o que eu fiz?

Fui ver quantos quilos eu estava carregando (compras da feira, bolsa térmica, mochila da escola, guarda-chuva, etc). Deu mais de 12kg! Afffe...

Preciso dizer que estou moída, quebrada, cansada & cia?